//Caso suspeito de coronavírus em Conceição de Macabu

Em primeira mão! O município de Conceição de Macabu registrou o primeiro caso suspeito de Covid-19, o coronavírus. O paciente é um homem, de 39 anos, morador da cidade, que deu entrada no Hospital Ana Moreira na noite deste sábado (07/03) com sintomas do vírus.

De acordo com informações preliminares, o homem teria chegado recentemente de uma viagem à Portugal. Ele teria tido, inclusive, problemas na imigração, onde teve contato com milhares de pessoas.

Por precaução, quem buscou atendimento na unidade se assustou ao ser recomendado o uso de máscaras. Todos os pacientes que chegaram em busca de atendimento, tiveram que proteger as vias respiratórias.

Apesar da direção do hospital e da Secretaria de Saúde ainda não ter comentado o assunto, o atendimento foi confirmado por funcionários da unidade, que foram ouvidos pelo jornal. A informação é que a equipe de plantão notificou o caso suspeito ao estado.

Foi recomendada a internação do paciente, porém, o mesmo preferiu ir para casa. De acordo com fontes do jornal, ele estava abatido e com sinais de fraqueza. O paciente já havia buscado atendimento em outros hospitais da região, como o HPM, em Macaé, e o Raul Sertã, em Nova Friburgo.

Nossa equipe fez contato com o diretor do Ana Moreira, Alex Belmont, que até o momento não respondeu sobre os questionamentos da reportagem. A Secretária de Saúde, Bruna Siqueira, também foi procurada por este blog. É importante saber o que será adotado após essa primeira suspeita na cidade.

Por volta das 18h, a Prefeitura emitiu uma nota informando que o paciente “apresenta um quadro de infecção respiratória sem sinais de gravidade”. O órgão também informou que é aguardado o resultado do exame que apontará a presença ou ausência do vírus.

SITUAÇÃO NO PAÍS

Até a tarde deste domingo (08/03), o Ministério da Saúde confirmou 24 casos do novo coronavírus no Brasil. As confirmações são no Rio (03), São Paulo (16), Bahia (02), Alagoas (01), Espírito Santo (01) e no Distrito Federal (01). A atualização mostra o vírus aparecendo em um novo estado, que até então ainda tinha nenhuma confirmação da doença.

Em todo o território nacional, são 664 casos suspeitos que estão sob análise.