//Prefeito corta insalubridade de servidores do grupo de risco que foram afastados
Prefeitura Municipal de Conceição de Macabu - Foto: Luan Santos/Portal Jornada

O Prefeito de Conceição de Macabu, Cláudio Linhares, decidiu cortar a insalubridade dos servidores municipais que foram afastados de suas funções por pertenceram ao grupo de risco da Covid-19. Os cortes começaram no mês passado.

Nos bastidores, o comentário é que a decisão seria para “forçar” o servidor a voltar ao trabalho. Foi exatamente isso que ocorreu com uma servidora da saúde ouvida por este colunista, e que prefere não ser identificada. Com contas para pagar todos os meses, inclusive de remédios caros, ela teve que voltar ao expediente mesmo correndo riscos. “Precisei retornar. Esses R$200 reais de insalubridade já fazem a diferença, mesmo sabendo dos riscos de me contaminar e talvez não resistir”, comentou.

Nossa reportagem também apurou que os servidores do grupo de risco, que retornam ao trabalho, são obrigados a assinarem um termo para declarar estarem cientes que estão voltando por conta própria.

No caso dos motoristas, por exemplo, outros adicionais também foram cortados.